EVOKE ART # FLIP EM SHOREDITCH, O BAIRRO MAIS LEGAL DE LONDRES

Desde a última semana, uma arte colossal do nosso amigo e renomado artista Felipe Yung, o Flip, vem chamando atenção na Ebor Street, em Shoreditch, o bairro mais cool e efervescente de Londres. Confira aqui uma entrevista traduzida do site Street Art London, onde o Flip conta um pouco sobre a obra e sobre a sua carreira, que teve passagem eternizada na história da Evoke.

Evoke Art mostra street art de Flip em Shoreditch, Londres

SAL – Seu novo muro em Ebor Street é incrível. Você pode nos contar um pouco sobre a inspiração para esta peça?
F – Os engraçados kawaii [adjetivo japonês utilizado nos animês e mangás japoneses], monstros e o non-sense me inspiram.  O mural também foi inspirado em antigas criaturas japonesas míticas; neste caso, misturei o Tanuki (guaxinim japonês) com a Medusa e escolhi as cores CMYK [sistema de cores formado por Ciano, Magenta, Amarelo e Preto] para saltar do tijolos… parece estar vivo!

Felipe Yung, aka Flip, apresenta arte em Londres no Evoke Art

SAL – Por favor, nos conte um pouco sobre sua formação e sobre como você entrou em arte de rua.
F – Eu sou do bairro Vila Mariana de São Paulo, Brasil, e vivi na Europa por oito anos (França e Portugal) com a minha mãe, quando era mais jovem. Desde que eu era um adolescente (meados dos anos 90), depois que voltei de Portugal, comecei a levar mais a sério graffiti como forma de expressão. E o jogo do graffiti em São Paulo sempre foi sobre ter um estilo original, é por isso que eu decidi fazer apenas monstros e personagens, cartazes e adesivos também. Eu amo assinaturas, mas nunca fiz letras tradicionais do graffiti… Sou formado em Artes Plásticas, mas ainda prefiro a escola da rua.

SAL – Conte-nos sobre suas influências artísticas.
F – Pinturas eróticas japonesas, impressões e caligrafia. Criaturas míticas e monstros, eu amo monstros!!! Desde que era um bebê com um giz de cera matador nas mãos.

Arte de Flip em São Paulo no Evoke ArtFlip em SP

 

SAL – Quais são as semelhanças e as diferenças entre as cenas de arte de rua em São Paulo e Londres?

F – Como são cidades grandes, há um monte de semelhanças. Tags, stickers por todo lado, estilos louco! A imigração dá o sabor, na minha opinião. Talvez Londres tenha mais influência da música, mais do que São Paulo; os movimentos de música são realmente fortes. Eu posso ver isso às vezes nas paredes, da estética punk 77 ao grime sujo dos anos 2000… eu sinto isso em Londres. São Paulo é uma selva de concreto imparável, e ainda está crescendo…

SAL – O que você acha que é a importância da arte de rua?
F – É uma forma muito importante  de expressão e, acima de tudo, é arte LIVRE. Não tem ingresso, é diversão e cores para todos.

 

Mais 

Entre viagens e exposições pelo mundo, o Flip deixou sua marca no GQ da Evoke, em junho de 2011. Dá só uma olhada no mural de 10 X 6 metros que a gente ganhou, cortesia mais do que apreciada por todo mundo que vem nos visitar.

 

Evoke Art mostra street art de Flip no QG Evoke

Street arte de Flip no QG da Evoke

Arte de Flip no QG da Evoke

 

Pra ver mais da obra do Flip, confira o Flickr dele ou sua página oficial do Facebook. Hasta!

2 thoughts on “EVOKE ART # FLIP EM SHOREDITCH, O BAIRRO MAIS LEGAL DE LONDRES

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *