#EVOKE – 42 ANOS DE DARK SIDE

 

 

tumblr_n94rctM2jw1rwnvmvo1_500

 

Pegue uma banda muito boa. Coloque evoluções sonoras jamais vistas antes no universo da música.

Adicione uma boa dose de psicodelia e deixe rodar por 40 minutos. Pronto! Você tem um clássico.

 

Foi dessa receita de sucesso que nasceu, em 1973, o disco “The Dark Side of the Moon”, do Pink Floyd.

O oitavo LP da banda, completa hoje 42 anos e continua sendo um dos mais vendidos (se não for o mais).

 

Pra comemorar, a da Evoke trazà tona algumas curiosidades que rodeiam o universo desse álbum,

pois como já eternizou o próprio David Gilmour: “Você é jovem, a vida é longa e há tempo para matar ainda hoje.”

 

Pink-Floyd-The-Dark-Side-Of-373863

 

#É CAMPEÃO – Dark Side, como costumam chama-lo, entrou para o Guiness por ter sido o disco a ficar por mais tempo

na lista de mais populares da Billaboard. Foram mais de 591 semanas, que dá mais de 11 anos.
#ECLIPSE – O LP deveria se chamar Eclipse ( A piece for Assorted Lunatics), pois o grupo de folk progressivo Medicine Had 

havia lançado um disco com o mesmo nome. Como não vingou, a banda resolveu seguir adiante, sem medo.
#PARA MAIORES DE 18 – Na Austrália, os ouvintes de uma rádio o elegeram como o melhor disco para se ouvir durante o sexo.

Pelo menos é o que apontou uma pesquisa realizada na década de 90.
#MISTÉRIO – Como toda lenda que se preze, The Dark Side of the Moon carrega uma dose de misticismo.

A mais famosa é suposta sincronia com o filme O Mágico de Oz. Essa teoria afirma que o álbum serve de trilha sonora para

o filme (e realmente a sincronia é impressionante), mas os integrantes afirmam que isso não passa de boato e que tudo é mera

coincidência. Será?

 

tumblr_mij7w8A6KR1r2s4r6o1_400
Verdades ou mentiras, o sucesso do álbum é irrevogável e atemporal. Fazer o quê? Clássicos são clássicos.

24 mar 2015
LEAVE A COMMENT
no comments

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>