EVOKE ART # 5 POINTZ

Ano de 1970. Nova Iorque. Um grupo de jovens começa a deixar suas “marcas” nas paredes da cidade e, algum tempo depois, essas marcas evoluem com técnicas e desenhos. Assim surgia a expressão de uma das artes mais genuínas da atualidade – o grafite.

Por aqui, mais precisamente em Sampa, o grafite foi introduzido no final dos anos 70. Os brazucas, não satisfeitos com o trabalho dos gringos, começaram a desenvolver a técnica com o jeitinho brasileiro, que até hoje é reconhecido como um dos melhores do mundo.

Nova Iorque, década de 70.

Voltando para os States, este movimento todo não podia ser diferente no Queens, um dos cinco distritos que formam a cidade de Nova Iorque. Refletindo a realidade das ruas, o 5 POINTZ, conhecido como a “meca” do grafite mundial, se tornou famoso em 1993, quando seus 200.000m², divididos entre paredes altas e espaços abertos, virou um dos principais pontos turísticos da cidade. Tudo isto começou com a intenção de diminuir o vandalismo, que teve seu pico alto nos anos 80 e 90, levando os artista de rua a mostrarem sua arte.

Em 2002,  o grafiteiro Jonathan Cohen, conhecido como Meres, e sua mulher Marie Flageul, começaram a administrar o local e o famoso complexo se tornou o 5 Pointz que conhecemos hoje, ou seja, um playground que faz muito marmanjo “pirar”. Artistas de todo o mundo já tiveram suas obras expostas por lá, entre eles os brasileiros Os Gêmeos, Denis Sena, AK-47, além dos gringos Stay High 149, Tracy 168, Cope2, Part e Tats Cru.

Mas, nem sempre o que é bom dura o tempo que deveria. No dia 21 de agosto desse ano, a comissão de planejamento da cidade decidiu derrubar o complexo devido a diversas irregularidades encontradas em 2009, para construir um empreendimento imobiliário. Após a notificação, algumas manifestações começaram a rolar para o cancelamento do projeto, porém, em vão.

Na madrugada do dia 19 de novembro, a prefeitura, escoltada pela polícia, foi até o local e cobriu todas as obras com tinta branca. No dia seguinte, os moradores da região se mobilizaram em diversas redes sociais para reverter a situação. De acordo com as mídias internacionais, Meres está lutando para que o local não seja demolido no próximo mês.

Por aqui, seguimos torcendo para que o 5 POINTZ não seja extinto. No site oficial você pode assinar a news letter e ficar por dentro de tudo que anda rolando por lá.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *